Nossa Escola contra o ZIKA!

O Brasil está diante de uma grave emergência de saúde pública, um enorme desafio provocado pelo aumento da proliferação do mosquito Aedes aegypti e de suas cruéis consequências: a Dengue, a Febre Chikungunya e a transmissão do vírus Zika. Essa última está relacionada a casos de microcefalia, que gera um comprometimento muito grave no sistema nervoso central, impondo condição de deficiência cerebral profunda e permanente nos bebês das mulheres grávidas que contraírem o vírus Zika. É importante a união de todos na prevenção dessas enfermidades e contamos com a sua participação nas mobilizações contra o mosquito, que serão realizadas em todo o país, nos dias 19 e 26 de fevereiro e no dia 04 de março. Nessas datas, as escolas, além de discutirem internamente os temas, farão ações de combate ao Aedes aegypti, em suas comunidades. Nosso objetivo é reduzir drasticamente os focos de reprodução do mosquito – essa é a única garantia de que as nossas famílias e, principalmente, as mulheres grávidas e seus bebês estarão protegidos.

Carta Aberta a comunidade escolar de ALOIZIO MERCADANTE Ministro da Educação

Um mosquito não é mais forte do que um país inteiro!!

Publicado por Fontes Fontes em Sexta, 19 de fevereiro de 2016

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: